Informativo

Uso de Adornos

O USO DE ADORNOS E A PANDEMIA DA COVID-19 por: Beatriz Mª Nogaroli Desde a sua promulgação em 2005, a NR-32 tem gerado discussão e polêmica nos serviços de saúde. Um dos assuntos mais discutidos até alguns meses atrás, antes

Uso de calçados abertos

NR-32 E O USO DE CALÇADOS ABERTOS por: Beatriz Mª Nogaroli Em vigor desde 2005, a NR-32 que regulamenta as medidas de proteção à segurança e à saúde dos trabalhadores dos serviços de saúde ainda causa muita discussão e resistência. 

Inovação na Punção Venosa

OCULOS  CAPACITAM OS FLEBOTOMISTAS A VER A REDE VASCULAR ATRAVÉS DA PELE O descobrimento dessa nova tecnologia deve tornar a venopunção mais fácil e segura para o flebotomista e o paciente. Ela torna possível para o flebotomista que usar esses óculos

Uso de luvas no Laboratório Clí­nico

USO DE LUVAS NO LABORATÓRIO CLÍNICO “É obrigado usar luvas durante a coleta de sangue?”Me pergunta o técnico de coleta.” É necessário trocar as luvas a cada paciente?”.É o questionamento do gestor. Uma das questões mais frequentes no meu dia-a-dia

Tempo de retração do coágulo

Tempo de retração do coágulo por: Beatriz Mª Nogaroli Alguns cuidados com o tempo de retração do coágulo pós coleta do sangue Será que é dada a devida importância a essa simples etapa no processo pré-analítico? Para muitos, resume-se em

Preservando a Amostra Biológica

A preservação das amostras biológicas – sangue total, soro, plasma, urina, fezes, secreções etc – ainda é um interferente critico nas analises clinicas e uma das dificuldades a enfrentar no controle da fase pré-analítica. Em geral, os componentes bioquí­micos, anticorpos

Efeito dos Medicamentos nas Análises

Os medicamentos e seus metabólicos podem interferir com o método analítico (efeito in vitro) como também, induzir alterações fisiológicas alterando os resultados (efeito in vivo).Para ter informações confiáveis do cliente/paciente, o laboratório pode oferecer um pequeno formulário bem direcionado, como

Jejum e interferência nos resultados

Ainda é prática em muitos laboratórios clí­nicos “padronizar” um perí­odo de jejum para o paciente, não levando em consideração o estado fí­sico do paciente. Estabelece-se 10 a 12 horas de jejum para qualquer exame em amostra de sangue, preocupando-se apenas

Eu e a Qualidade

EU E A QUALIDADE Muito se fala sobre Qualidade. Atualmente, é um requisito fundamental para a sobrevivência das organizações. E a qualidade pessoal? Esse tipo de qualidade é de grande importância para a conquista do emprego, a sobrevivência do profissional